11 Mitos relacionados ao mundo Fitness que estão prejudicando sua saúde

11 Mitos relacionados ao mundo Fitness que estão prejudicando sua saúde1shares

Quando decidimos entrar em forma e começar um estilo de vida saudável, muitas vezes ouvimos milhares de opiniões, algumas menos precisas do que outras. A verdade é que cada pessoa irá aconselhá-lo de acordo com sua experiência, mas o fato de que elas funcionaram para eles não significa que será o mesmo com você. É por isso que muitos mitos são formados em relação ao que devemos ou não fazer quando se trata de começar uma vida fitness. É complicado decidir qual é o caminho certo a percorrer quando nos vemos no meio de tantas opiniões contraditórias.

Há muitas opções quando se trata de exercício, mas você deve procurar o que é ideal para você de acordo com sua condição física e saúde. Seria melhor ignorar muitas das dicas que você ouvirá, e muito mais quando perceber que elas são muito diferentes. No entanto, você não deve ser desencorajado. Por isso, nós criamos uma lista para que você possa descobrir de uma vez por todas quais são as dicas que você deve seguir e quais você não deve prestar atenção.

Mito 1: Correr danifica os joelhos e tornozelos.

De acordo com estudos recentes, a corrida não é prejudicial para as pernas, pelo contrário, fortalece os músculos e os torna menos propensos a lesões.

Mito 2: Bebidas energéticas são uma excelente maneira de manter o corpo hidratado durante um treino.

Bebidas energéticas são compostas principalmente de açúcar e água. A melhor coisa que você pode fazer é beber água pura em vez de escolher essas bebidas que são apenas parte de uma moda passageira. A água será responsável por restaurar a energia do seu corpo em conjunto com os alimentos ricos em proteínas que você come após o treinamento.

Mito 3: Yoga irá eliminar a dor nas costas.

Yoga não faz sua dor nas costas ir embora. É possível que o alongamento e algumas poses ajudem a aliviar os sintomas e até mesmo eliminar a dor, se isso for causado por problemas musculares, pois fortaleceria os músculos. Mas se seu problema vai além e você sofre de hérnias ou saliências, então a ioga agravaria as doenças. Lembre-se de consultar um médico antes de iniciar qualquer prática.

Mito 4: Uma esteira é melhor que um parque.

Correr no parque não é o mesmo que ficar em casa correndo em uma esteira, mesmo se você correr a mesma distância. Quando corremos contra o vento, nossos músculos trabalham muito mais e conseguimos queimar 10% a mais de calorias.

Mito 5: Faça uma maratona ou nada! Uma estrada de longa distância é a única que você deve seguir.

Aqueles que correm curtas distâncias têm o mesmo problema cardíaco que as pessoas que correm maratonas. Na verdade, exercícios de baixo impacto, como correr ou caminhar, é muito melhor para o corpo. Seu coração e sistema vascular se adaptarão ao ritmo de seus treinos.

Mito 6: As melhores atividades de treinamento para o seu cérebro são quebra-cabeças, jogos e palavras cruzadas.

Palavras cruzadas e quebra-cabeças não são o único método que existe para favorecer o desenvolvimento do cérebro. Exercitar o corpo também é muito benéfico para a saúde do cérebro. Acontece que os exercícios que aceleram o fluxo sanguíneo são mais eficazes do que passar longas horas resolvendo enigmas. Vários estudos demonstraram que praticar esportes melhora significativamente o humor, a memória e diminui o risco de sofrer de demência.

Mito 7: Apenas produtos lácteos contêm cálcio.

O mito de que os laticínios nos fornecem muito cálcio permanece no passado. Existem outros alimentos de origem vegetal que são excelentes substitutos e altamente ricos em cálcio. Brócolis, sementes de gergelim e espinafre são alguns deles, isso nos permite colocar de lado produtos lácteos que não são tão saudáveis quanto pensamos.

Mito 8: A melhor hora para se exercitar é pela manhã.

Isso é completamente falso. A melhor hora para se exercitar é quando você se sente pronto e energizado. Você pode preferir ir à academia à noite depois de sair do escritório ou sair correndo muito cedo pela manhã. O importante é que você seja constante.

Mito 9: As barras de proteína são um ótimo substituto para a aveia.

Essa é outra grande mentira. Barras de proteína são um alimento processado que precisa de menos calorias para ser digerido, o que os torna menos recomendáveis. As barras servem apenas como lanche, mas nunca como substituto de farinha de aveia ou outro cereal.

Mito 10: Exercícios exigentes fazem você querer comer.

Sentir-se muito ansioso para comer após o treino, indica que algo está errado. Na verdade, o exercício físico deve nos fazer sentir menos fome. Isto é devido a fatores hormonais: a produção de grelina (o hormônio da fome) diminui e a leptina aumenta.

Mito 11: Você pode pular algumas semanas de exercício e ainda estará em forma.

Lamentamos dizer que não é bem assim. Na maioria dos casos, o tônus muscular adquirido se perderá depois de uma semana de descanso sem treinamento (média). Então, mesmo quando você atinge seu objetivo e tem o corpo que tanto deseja, você não deve parar de treinar completamente.

Bônus: Gastar mais tempo na academia nem sempre é bom.

Segundo os especialistas, nunca é bom chegar a extremos ao treinar. Mesmo que você precise estar em forma em pouco tempo. O corpo precisa descansar e se recuperar de todo o estresse causado pelos exercícios. Isso não significa que você deva passar o dia deitado em casa e comer até não conseguir mais, mas considere que o descanso é tão importante quanto o treinamento. E lembre-se de que você deve exercitar diferentes músculos a cada vez para evitar lesões.

Quais outros mitos você conhece sobre o mundo fitness? COMENTE e não se esqueça de COMPARTILHAR com todos os seus amigos.

DEJANOS SABEN TU OPINION
TE LO RECOMENDAMOS
TU PUEDE INTERESAR