11 Tendências de beleza assustadoras e perigosas que já estiveram na moda

11 Tendências de beleza assustadoras e perigosas que já estiveram na moda0shares

Quando se trata de moda e beleza, todos nós nos esforçamos para continuar cumprindo os padrões para nos sentirmos lindos. Na primavera usamos vestidos florais, no inverno usamos os belos casacos que vemos nas revistas e no verão aproveitamos para usar shorts.

No entanto, no passado, os padrões de beleza eram muito mais complexos e perigosos, uma vez que as pessoas não se "vestiam na moda" porque queriam, mas porque eram forçadas a manter um certo status social. Abaixo, apresentamos algumas tendências da moda e práticas culturais que não eram apenas terríveis, mas também muito perigosas ...

Continue lendo para saber mais sobre isso!

Se você ficou horrorizado com essas tendências, COMPARTILHE-as com seus amigos. Não se esqueça de nos deixar sua opinião nos COMENTÁRIOS, nós gostaríamos de saber o que você pensa.

1. Ohaguro no Japão (250 dC - 1870)

No Japão, a cor preta é considerada bonita, tanto que as mulheres costumavam pintar os dentes dessa cor. No passado, as mulheres casadas eram obrigadas a pintar os dentes logo depois de se casarem.

Para este propósito, elas deixavam pedaços de ferro em uma xícara de chá até que o metal oxidasse e o ferro ficasse preto.

Em seguida, elas adicionavam algumas especiarias para melhorar o seu cheiro e as mulheres bebiam este líquido para manter os dentes negros. Este costume durou milhares de anos, até que finalmente desapareceu no século XIX.

2. Espartilhos masculinos (séculos XVIII e XIX)

Embora espartilhos sejam considerados uma peça feminina, os homens também os usaram durante o século XVIII.

Estes espartilhos eram usados principalmente para afinar sua figura, algo muito popular entre os anos 1820-1840

Porque naquela época homens com cintura pequena eram desejáveis para as mulheres. Já em 1880, a forma do espartilho mudou, e tornou-se mais uma banda rígida com costelas. Este modelo existe ainda hoje:

3. Atadura de pé na China (960 - 1912)

A atadura de pés era um costume de beleza muito popular entre as mulheres na China desde a dinastia Song (960) até 1912, quando foi finalmente banida pelas autoridades.

Naquela época, as mulheres costumavam dobrar seus pés para usar sapatos tradicionais de lótus que tinham apenas 10 centímetros de comprimento

Este costume começava entre as idades de 4-9 anos e consistia envolver os pés com bandagens diariamente para que o pé adotasse a forma e o tamanho desejados.

4. Lysol para controle de natalidade (1960)

Lysol é um produto de limpeza que costumava ser usado para limpar cozinhas e banheiros, mas por alguns anos foi um produto recomendado para controlar a taxa de natalidade e melhorar a higiene feminina.

Naquela época, os métodos contraceptivos eram caros, então as mulheres encontraram a solução neste produto

O mais terrível de tudo, é que a marca em si garantia que era completamente seguro limpar sua área íntima com lisol para não ter filhos. Embora tenham ocorrido muitos casos de inflamação, dor, ardor e até mortes devido ao seu uso.

5. Anéis de pescoço para mulheres Kayan em Mianmar (século XI - presente)

As mulheres kayan de Mianmar começam a usar esses pesados anéis de cobre em seus pescoços a partir dos 5 anos de idade e acrescentam mais enquanto crescem.

Em geral, cada mulher deve usar pelo menos 11,5 quilos em anéis de pescoço

Curiosamente, esses anéis não alongam o pescoço, apenas deformam a clavícula, empurrando-a para baixo, dando uma ilusão de pescoço mais longo.

6. Extensões de cílios com uma agulha (1899)

Em 1899, um artigo foi publicado sugerindo uma maneira estranha em que as mulheres poderiam adicionar mais cílios. O método consistia em costurar cabelos retirados da cabeça nas bordas da pálpebra, exatamente entre a epiderme e a borda inferior da cartilagem.

Não sendo suficiente este procedimento aterrorizante, o especialista tinha que certificar-se de limpar a pálpebra completamente e depois esfregá-la com uma solução de cocaína

7. Saias lame (1908 - 1914)

A saia lame foi uma tendência que durou apenas de 1908 a 1914 e consistia em uma saia que tinha uma bainha estreita que retardava os passos das mulheres.

Era comicamente chamada de "saia de limite de velocidade"

Quando a tendência começou a desaparecer, alguns designers ofereceram novos modelos que permitiam uma melhor mobilidade.

"Eu não posso chutar"

8. Crinolinas inflamáveis (1850 - 1870)

As crinolinas começaram a ser usadas em 1850 e rapidamente se popularizaram, sendo usadas por mulheres de qualquer classe social, mesmo quando infligiram muitas mortes por serem inflamáveis.

Acontece que o aço esfregava nos aros da saia e causava uma faísca e posteriormente, um incêndio

E a roupa era tão difícil de remover, que as mulheres acabavam queimadas vivas antes de se despirem.

"Fogo: Os horrores da crinolina e a destruição da vida humana"

9. Dieta do verme solitário (início de 1900)

Em 1900, era muito popular as mulheres tomarem uma pílula que tinha um ovo solitário que nascia, crescia em seus intestinos e ingeria a maior parte da comida que comiam.

"Coma, coma coma e permaneça sempre magra.

Sem dieta, banhos ou exercícios. Acima do peso, o inimigo que está cortando sua vida desaparece. Como? Com vermes solitários desinfetados".

Claro, essa prática ajudava a perder peso sem reduzir calorias

No entanto, tinha consequências graves. Havia riscos de bloqueios intestinais ou cistos que apareciam no cérebro, olhos, medula espinhal e fígado.

10. Crakows (século 15)

Embora os sapatos longos tenham sido moda em vários períodos da história, os Crakows foram particularmente populares no século XV, mesmo sendo fortemente criticados.

Para que o calçado mantivesse sua forma, seu bico precisava de enchimentos, o que os tornava pouco confortáveis

Eles foram finalmente banidos em 1465.

11. Banha de porco para estilizar perucas (final de 1700)

No final dos anos 1700, as perucas estavam extremamente na moda e todos faziam o que podiam para destacá-las. Curiosamente, para pentear usavam manteiga, pinças quentes e pó de chumbo.

Como as perucas não eram lavadas com frequência, atraía todos os tipos de vermes

Então as pessoas usavam gaiolas para manter os ratos longe de suas perucas.

O que você achou disso? Você conhecia essas tendências da moda?

Deixe a sua resposta nos COMENTÁRIOS e COMPARTILHE com os seus amigos.

DEJANOS SABEN TU OPINION
TE LO RECOMENDAMOS
TU PUEDE INTERESAR