As 25 maiores mentiras da história

As 25 maiores mentiras da história5shares

Aprender sobre a história tornou-se um costume bastante popular ao longo dos anos. Em todo o mundo, as pessoas estudam os temas mais relevantes da história, das lendas sobre George Washington,  as múmias históricas egípcias. Todos nós gostamos de saber um pouco sobre o passado, não importa qual seja o tema.

No entanto, é difícil saber se a informação sobre certos fatos históricos é verdadeira ou não. Preferimos pensar que as pessoas que nos falam sobre a história sabem do que estão falando e não estão simplesmente inventando tudo.

Mas como saberemos se esses eventos históricos realmente aconteceram? Os historiadores não estavam presentes quando esses eventos ocorreram, certo? É por isso que devemos ouvir e aprender as histórias que nos contam, mas sempre manter a mente aberta e disposta a pesquisar e tirar dúvidas em diferentes livros, com diferentes pessoas. Saber nunca é demais. 

1. Durante muitos anos, ensinou-se que Cristóvão Colombo descobriu a América em 1492

Mas Colombo não descobriu a América, ele só pensou que havia chegado à Índia e planejava o tráfico de escravos entre a "Índia" e Espanha.

A verdade é que a América foi colonizada por tribos nômades ...

Eles atravessaram o estreito de Bering, através do Alasca, há milhares de anos. Estas foram as civilizações que os conquistadores espanhóis encontraram na América, de modo que este continente já havia sido descoberto antes de sua chegada.

Há também evidências de que os Vikings chegaram a essas terras pouco depois

A viagem de Colombo levou à colonização e à conquista dos nativos.

2. Os britânicos estão a caminho!

Todos conhecemos a famosa frase dita por Paul Revere durante sua cavalgada noturna.

Mas, na realidade, essa frase nunca foi dita ...

Revere não tinha necessidade de gritar , só que soa muito mais patriótico quando a história é contada.

3. Vikings

Quando pensamos em Vikings, imaginamos pessoas ruivas usando capacetes com chifres, certo? Mas isso não passa de um mito dos tempos modernos e uma representação artística.

Há mais de 1000 anos ...

Esses capacetes existiram, mas há mais de mil anos, durante a Idade de Bronze e eram usados em rituais e cerimônias religiosas.

4. História Medieval

Ouvimos muitas histórias que dizem que a armadura de prata dos cavaleiros era extremamente pesada. Mas será que era?

Elas não eram tão pesadas ...

Dizem que pesavam entre 13 e 22 kg. É engraçado pensar que esse tipo de armadura já foi considerada a mais pesada de todas.

5. Stonehenge é um dos maiores mistérios da antiguidade ...

Essas pedras permanecem no mesmo lugar e na mesma posição há 4 mil anos ... certo?

Em primeiro lugar, é um mistério como essas pedras chegaram lá ...

... mas será mesmo que elas mantiveram a mesma posição? Em algum momento elas tiveram que ser restauradas.

6. Todos sabemos que o famoso pintor Van Gogh cortou a orelha ...

Supostamente, ele fez isso depois que seu amante o deixou. Mas as coisas não foram exatamente assim.

Suas cartas falam um pouco dos fatos reais ...

É muito mais provável que ele e um amigo tenham bebido muito e, como resultado, Van Gogh cortou uma orelha. Depois disso, a enviou para uma mulher em um bar.

7. Como a esfinge perdeu o nariz?

Muitos pensam que foi Napoleão quem o destruiu com um tiro. Mas o nariz desapareceu séculos antes dele nascer.

Na verdade, foi o líder religioso Muhammad Al-Sa'im Ad-Dahr quem destruiu o nariz

Tudo aconteceu quando o líder soube que haviam pessoas idólatras. O culto aos ídolos é proibido na religião muçulmana.

Então, da próxima vez que você sentir vontade de ler sobre história, seja objetivo.

Não há como saber se algo é realmente verdade ou mentira, mas nossa intenção é esclarecer alguns fatos que descobrimos após alguma pesquisa. 

8. Napoleão não era um homem baixo

A verdade é que Napoleão Bonaparte media 1,69 metros, uma altura considerável para o tempo, já que estava acima da média dos franceses da época.

9. Einstein não era ruim em matemática

Albert Einstein, que se destacou como o melhor cientista do século 20, apenas reprovou em uma teste de matemática, no entanto, sempre foi dito que ele havia sido expulso da escola porque era considerado incapaz.

Ele era um jovem quieto e introvertido, mas sempre muito inteligente

Era um menino muito paciente e metódico e, em geral, sempre obteve boas notas.

10. Mozart não se chamava Amadeus

Seu nome era Joannes Chrysostomus Wolfgangus Theophilus Mozart, "Amadeus" significa amado por Deus, e assim ele foi batiado por um importante admirador que ele teve.

11. O polegar para cima ou para baixo não significava nada para os romanos

Os imperadores romanos não levantavam nem abaixavam os polegares para decretar a morte ou o perdão de um gladiador. Mostrar seu punho cerrado era um sinal de misericórdia, mas, se ele puxasse o polegar para o lado, estava ordenando a execução do perdedor.

12. Julio Cesar não nasceu por cesariana

Os historiadores acreditam que este não foi o caso, porque sua mãe morreu quando ele já tinha 30 anos e naquela época as mulheres não sobreviviam a esta operação. O que é certo é que esta intervenção foi uma lei promulgada por César para que os bebês fossem tirados do útero de suas mães, se elas morressem no sétimo mês de gestação.

13. Não eram três as caravelas de Colombo

As caravelas de Colombo eram apenas duas: La Pinta e La Niña, porque o terceiro navio que participou da descoberta da América era um outro tipo de navio, muito maior que uma caravela.

14. A Guerra dos 100 anos durou mais 

A Guerra dos Cem Anos durou 116 anos, na verdade, de 1337 a 1453, ano em que os reis da Inglaterra e da França (países em conflito) acabaram com as hostilidades.

15. As bruxas de Salem não foram queimadas em uma fogueira

Na verdade, elas foram enforcadas, essa era a pena que as comunidades protestantes e calvinistas costumavam ditar para casos de feitiçaria.

16. George Washington não foi o primeiro presidente dos Estados Unidos

No início da Revolução Americana em 1714, uma comissão elegeu Peyton Randolph, provisoriamente, como presidente. Após sua renúncia, oito pessoas atuaram como presidentes, até 1789, ano em que a Constituição Americana foi finalmente aprovada e realizaram-se as primeiras eleições presidenciais, nas quais Washington finalmente foi eleito.

17. A Revolução de Outubro na verdade foi em Novembro

De acordo com o atual calendário gregoriano, esta revolução começou no dia 7 de novembro, quando Lênin se revoltou em Petrogrado contra o governo de Kerensky, o que aconteceu é que a Rússia ainda era governada pelo chamado calendário juliano, segundo o qual a data correspondia ao dia 25 Outubro.

18. O conquistador espanhol Hernán Cortés nunca queimou seus navios

De acordo com a história de Bernal Diaz del Castillo, o cronista que acompanhou a expedição durante a conquista do México, o que ele fez foi peneirá-los e perfurá-los, para abrir as vias navegáveis.

19. A guilhotina não é uma invenção francesa

E seu criador não foi o Dr. Ignatius Guillotin, o revolucionário que unicamente propôs a guilhotina como o método oficial de execução. Os romanos já conheciam e usavam a guilhotina, e alguns historiadores acreditam que ela foi inventada pelo cônsul Titus Manlius.

20. Maria Antonieta nunca pronunciou a frase: "Se não tiverem pão, deixe-os comer bolo"

Esta frase foi atribuída a ela quando um conselheiro supostamente lhe contou sobre as dificuldades sofridas pelo povo francês, mas a historiadora Antonia Fraser descobriu que quem realmente disse essa barbaridade foi a Madame de Montespan.

21. Na Bastilha não havia prisioneiros políticos

Havia apenas sete cativos e todos aristocratas, entre eles o marquês de Sade.

22. Arturo nunca foi rei

Era um general romano chamado Lucius Artorius Casto, nomeado defensor de Berta dos bárbaros.

23. Marco Polo não trouxe o macarrão para a Europa

Foram os árabes, durante a invasão da Sicília no ano 669 (600 anos antes do nascimento do famoso viajante).

24. Al Capone odiava espaguete

Portanto, não é verdade que, durante seus anos de prisão, ele foi autorizado a preparar e comer macarrão, esse fato está escrito em sua biografia feita pelo ator George Raft, quem Al Capone uma vez convidou para jantar e o surpreendeu com comida chinesa.

25. Robin Hood não era um bandido generoso

Ele não roubou os ricos para dar aos pobres, de fato, seu nome era Robert Hood, que se revoltou contra o rei Ricardo II para evitar o pagamento de impostos.

Você conhece algum outro fato sobre história que tenha sido modificado? Deixe sua opinião sobre isso e não se esqueça de compartilhar com seus amigos.

DEJANOS SABEN TU OPINION
TE LO RECOMENDAMOS
TU PUEDE INTERESAR