Detalhes curiosos sobre a sua saúde que são revelados através do gás intestinal

Detalhes curiosos sobre a sua saúde que são revelados através do gás intestinal0shares

A produção de gases intestinais, "peidos", "puns", "flatulência" ou qualquer outro nome que você queira dar, é completamente normal, embora eles não deixem de gerar desconforto. Certamente, houveram muitos momentos em que você quis desaparecer quando um deles escapou: naquele dia em que o elevador do seu prédio estava cheio, durante aquela reunião de trabalho ou no meio da sua loja favorita ... Nós poderíamos passar horas citando momentos constragedores, e nunca seria o suficiente ... 

No entanto, eles têm um lado positivo que poucos conhecem e podem ajudá-lo a vê-los de uma perspectiva muito diferente. Assim, muitos médicos afirmam que, dependendo de suas características, indicam se tudo está indo bem dentro do organismo ou, ao contrário, se há algo a ser tratado. Da próxima vez que você tiver um "acidente", antes de pensar em qualquer coisa, lembre-se de que essa é uma maneira pela qual seu corpo se comunica com você. Então é melhor não reclamar, mas obedecê-lo!

Cada tipo de gás intestinal tem sua razão de ser.

Não pense que a sua única missão no mundo é te fazer passar vergonha quando eles saem prematuramente em algum lugar fechado, no escritório ou compartilhando um momento a sós com seu parceiro. Sua justificativa vai muito além disso.

Eles indicam o funcionamento interno do seu corpo, dependendo de suas características.

Seu cheiro, frequência, duração e até mesmo seu som lhe dão informações valiosas sobre como as coisas estão em relação ao seu sistema digestivo e até mesmo alguns outros órgãos. Quem diria? Descubra tudo o que eles dizem sobre você.

1. Gases com um leve odor

Este tipo de flatulência é revelado pelo seu cheiro fraco, mas perceptível, embora muitos, felizmente, não o percebam. Eles geralmente acontecem quando você consome certos alimentos que são propensos a produzir gases, tais como: couve-flor, brócolis ou carne vermelha. Para evitar acidentes em momentos indesejáveis, evite incluir esses alimentos no seu próximo menu.

2. Gases com cheiro exagerado

Estes são os mais preocupantes de todos. Definitivamente, quando acontecem é que algo dentro do seu corpo não está bem. Na maioria das vezes, eles estão relacionados a um certo grau de intolerância à lactose e esta poderia ser uma das razões. Por outro lado, eles poderiam marcar o início de um quadro clínico mais grave, como gastroenterite ou síndrome do intestino irritável.

3. Gases fugitivos

Eles são caracterizados por sua curta duração, assim como seu efeito. Eles também são conhecidos como "sulfurosos" por uma razão bastante simples: eles são um produto do acúmulo de ar no corpo e, portanto, praticamente não têm cheiro e não comprometem em nada o bom funcionamento do nosso organismo; Na verdade, eles são considerados normais e sinônimo de boa saúde. 

4. Gases recorrentes

Têm muito a ver com o tipo de alimento que você consome, sendo característico de pessoas que seguem dietas ricas em carboidratos, porque são refeições mais pesadas, cuja digestão é mais complexa e, consequentemente, mais tardia. Embora, se além disso, você sentir inchaço abdominal, um cheiro forte e desconforto no estômago, é provável que você esteja tendo um episódio de intoxicação alimentar. Apenas um médico poderá lhe dar um diagnóstico preciso.

Existem muitas condições relacionadas à produção de gases intestinais.

O que você deve fazer é ficar alerta e, se necessário, fazer as previsões de cada caso. 

Problemas hormonais influenciam o sistema digestivo.

A emissão anormal de gases pode indicar algum período de transição em sua produção hormonal. Processos como menstruação, menopausa ou gravidez muitas vezes alteram o funcionamento do sistema digestivo. Quando terminam, seu corpo volta ao seu estado normal.

Sensibilidade digestiva.

Nem todos os dias o organismo amanhece da mesma maneira. Às vezes, está mais sensível, então certos alimentos produzem mais gases. Você tem que aprender a decifrar os sintomas destes dias para cuidar do que você come e manter os gases sob controle.

Qualquer alteração na flora intestinal os tornam ainda mais comum.

A fibra é o elemento perfeito para minimizar esse problema. Adicione alimentos ricos em fibra ao seu cardápio, como cereais e grãos.

Por outro lado, a má digestão também promove a emissão excessiva de flatulência.

Se você comer muito rápido, isso soará familiar. Tente mastigar um pouco mais a comida para que seu corpo não sofra tanto para absorver o que consome.

Dê um pouco mais de atenção e você poderá "usá-los" para seu benefício. Em qualquer caso, eles são impossíveis de evitar ... mesmo que as pessoas ao seu redor não consigam entender ...

Você já passou por algum momento constrangedor? Deixe seu comentário e não se esqueça de compartilhar esta informação com todos os seus amigos.

DEJANOS SABEN TU OPINION
TE LO RECOMENDAMOS
TU PUEDE INTERESAR