Diga-me que música tu escutas que eu te direi quem és …

Diga-me que música tu escutas que eu te direi quem és …0shares

Que tipo de música você gosta de ouvir? Rock pesado, música indie ou prefere ouvir música electrônica? Ou você é simplesmente um daqueles que ouvem um pouco de tudo? Certamente você já ouviu falar que a música que você gosta pode dizer certas coisas sobre você, e esta afirmação não está longe de ser verdade.

Curiosamente, estudos recentes revelaram que existe uma conexão entre nossas preferências musicais e nossa personalidade. De fato, algumas características pessoais podem estar relacionadas a certos estilos musicais.

Em seguida, compartilhamos alguns estudos que mostram que nossa música favorita pode dizer muito sobre nós ...

Continue lendo para descobrir o que sua música favorita diz sobre você!

Se você acha que os resultados desses estudos foram interessantes, COMPARTILHE com seus amigos. Não se esqueça de nos deixar sua opinião nos COMENTÁRIOS, nós gostaríamos de saber o que você pensa sobre isso.

Em um estudo publicado pela Psychological Science, pesquisadores das universidades de Cambridge e dos EUA pesquisaram mais de 21.000 pessoas.

As pesquisas foram aplicadas via Internet e procuravam descobrir como 5 tipos de personalidades poderiam ser combinadas com diferentes gêneros musicais.

Os 5 tipos de personalidades eram conhecidos como "The Big Five".

Nós falamos daqueles de "mente aberta", "agradável", "extrovertida", "consciente" e "neurótica". E esses tipos de personalidades estavam relacionados a músicas "contemporâneas", "sofisticadas", "intensas", "despretensiosas" e "melodias suaves".

Anteriormente, estudos já haviam sido feitos, mas nenhum apresentou resultados vinculativos.

Isso porque os entrevistados tendiam a ser jovens, por isso eram mais propensos a compartilhar os mesmos gostos musicais.

No entanto, desta vez, os entrevistados tinham mais de 22 anos de idade.

E foram convidados a ouvir 25 trechos musicais desconhecidos pré-categorizados por musicólogos. Isso para determinar qual é o estilo musical de sua escolha.

A este respeito, os autores do estudo afirmaram:

"A música é uma forma de auto-expressão que é onipresente nas culturas humanas, comunica informações significativas sobre as características psicológicas básicas".

De acordo com este estudo, pessoas que preferem música acústica ou calma tendem a ser energéticas e comunicativas.

Enquanto aqueles com personalidades abertas preferem ouvir música "sofisticada" e estão menos interessados em música lenta ou suave.

Por sua vez, aqueles que preferem ópera tendem a ser mais imaginativos e perspicazes.

E os extrovertidos geralmente gostam de música "despretensiosa", que costuma ser relaxante.

Posteriormente, os pesquisadores decidiram usar o Facebook para medir os tipos de personalidades.

E tentaram relacioná-los às suas preferências musicais, observando quais artistas eles "curtiam".

Os autores afirmam que através da Rede Social você também pode prever a personalidade de uma pessoa com base em seus gostos musicais.

No entanto, esses estudos não levam em conta algumas variáveis significativas.

Como o lugar onde a pessoa está, seu nível cultural, seu nível socioeconômico e outros fatores que podem influenciar o tipo de música que uma pessoa gosta.

Essa não foi a única pesquisa que tentou estabelecer uma conexão entre música e personalidade.

Um estudo de North e Hargreaves pediu a mais de 36.000 pessoas em mais de 60 países que selecionassem uma ampla gama de gêneros musicais de acordo com sua preferência.

E os resultados foram os seguintes:

Fãs de blues; são criativos, extrovertidos, calmos, sensíveis e têm uma auto-estima muito boa.

Os amantes do jazz possuem alta autoestima, são criativos, extrovertidos, sempre enxergam além das aparências e se estabelecem.

Fãs da música clássica são criativos e introvertidos, eles não são pessoas muito sociáveis, no entanto são pessoas felizes e apaixonadas.

Os fãs de rap têm alta auto-estima e são extrovertidos. Eles são conhecidos por serem sarcásticos e observadores. 

Os amantes da ópera têm uma alta auto-estima, são criativos e gentis.

Os fãs de reggae têm uma alta auto-estima, são criativos, não são muito trabalhadores, sociáveis e gentis ... eles podem ter uma alma livre.

Os fãs de dança são criativos e extrovertidos, mas não são amigáveis. Eles são geralmente narcisistas e perfeccionistas.

Os fãs de Bollywood são criativos e extrovertidos. Um pouco simples e gostam de dançar.

Os fãs de rock / heavy metal têm baixa auto-estima, são criativos, não trabalham duro, não gostam de conhecer novas pessoas, mas gostam de estar com os poucos amigos que têm. 

Os fãs de soul têm grande auto-estima, são criativos, extrovertidos e amigáveis.

Fãs de indie têm baixa auto-estima, são muito criativos e relaxados, não trabalham duro e geralmente não são gentis.

A este respeito, Adrian North, o autor desta última pesquisa comenta:

"As pessoas realmente se definem através da música e se relacionam com outras pessoas através dela, mas não sabemos em detalhes como a música está ligada à identidade, sempre suspeitamos de um vínculo entre o gosto musical e personalidade Esta é a primeira vez que conseguimos vê-lo com detalhes reais, ninguém fez isso nesta escala antes".

Então você já sabe, se quer conhecer verdadeiramente uma pessoa, pergunte sobre seus gostos musicais.

Interessante

O que você achou desses estudos?

Deixe a sua resposta nos COMENTÁRIOS e COMPARTILHE com os seus amigos.

DEJANOS SABEN TU OPINION
TE LO RECOMENDAMOS
TU PUEDE INTERESAR