Por 9 anos ele fotografou pessoas a caminho do trabalho e esse foi o resultado

Por 9 anos ele fotografou pessoas a caminho do trabalho e esse foi o resultado10shares

Todos ouvimos frases como "o tempo muda tudo" ou "todos mudamos com o tempo", mas é isso mesmo? É verdade que certas características podem mudar, algumas rugas podem aparecer e podemos até nos sentir mais cansados ... Talvez o trabalho do fotógrafo que apresentaremos a seguir possa responder a essa pergunta.

Por quase uma década, um fotógrafo capturou pessoas andando pelas ruas movimentadas de Nova York pela manhã e o que ele descobriu é realmente fascinante: havia pessoas que pareciam exatamente idênticas às suas fotografias de dias, meses e até anos anteriores e aqui você verá alguns desses registros!

Se você gostou do projeto deste fotógrafo, COMPARTILHE com seus amigos. Não se esqueça de deixar sua opinião nos COMENTÁRIOS, nós gostaríamos de saber o que você pensa sobre isso.

Conheça Peter Funch

Um fotógrafo dinamarquês que passou 9 anos de sua vida fotografando exatamente o mesmo lugar na mesma hora todos os dias. Esse hábito curioso levou-o a descobrir que algumas pessoas podiam parecer quase idênticas às fotografias que haviam sido feitas com alguns dias, meses ou anos de diferença.

É assim que surgiu o projeto "42 and Vanderbilt"

O que é descrito por Douglas Coupland como "metropolitano, cosmopolita e, ao mesmo tempo, habita muitos nichos da arte: a escultura social, a arte baseada no tempo e nos retratos". Estas fotografias podem ser um pouco assustadoras, mas de uma forma agradável, pois envolvem uma vigilância gentil e artística.

DEJANOS SABEN TU OPINION
TE LO RECOMENDAMOS
TU PUEDE INTERESAR